Indústria Cosmética

Indústria Farmacêutica

Nos tempos de hoje, na sociedade em que vivemos, a beleza e a higiene pessoal são muito relevantes, surgindo, constantemente, novos produtos, com o objetivo de ir ao encontro das necessidades de cada um. A constante procura por produtos naturais leva a uma maior competição nestas indústrias de cosméticos.

 

O papel do farmacêutico nestas indústrias é diversificado, podendo atuar na investigação e no desenvolvimento, controlo e garantia de qualidade, produção, e ainda integrar a equipa de marketing. A indústria de cosméticos é das poucas da Europa que apresenta um crescimento estável, representando um volume de negócios anual de aproximadamente 60 milhares de milhões de euros.

 

Atualmente, a indústria emprega farmacêuticos em serviços de consultoria, investigação e desenvolvimento, realização de testes, incluindo desenvolvimento de formulação, estudos de estabilidade, estudos de eficácia, segurança e de avaliação da aceitabilidade de ingredientes ativos e produtos cosméticos finais. Devido à competitividade sentida neste setor, a investigação e o desenvolvimento de novos produtos é fulcral para o crescimento destas empresas.