Dispositivos de Segurança e Monitorização de Medicamentos Falsificados

Breve introdução aos dispositivos médicos com apresentação de alguma regulamentação, abordando também a questão dos dispositivos de segurança presentes nas embalagens dos medicamentos que permitem o seu rastreamento e a identificação de produtos falsificados.

Dr. Nuno Cardoso

Nuno Cardoso terminou o Mestrado Integrado em Ciências Farmacêuticas pela Faculdade de Farmácia  da Universidade de Lisboa (FFULisboa) em 2013, sendo a tese de mestrado subordinada ao tema “O  sector das farmácias em análise: contexto político-económico e o futuro do sistema de remuneração”,  tendo realizado, ainda na FFULisboa, um curso de marketing para farmacêuticos e um estágio em  Farmácia Comunitária e na área de Assuntos Regulamentares. 

Enquanto estudante de Ciências Farmacêuticas, foi Presidente da Direção e da Mesa da Assembleia  Geral da Associação dos Estudantes da Faculdade de Farmácia da Universidade de Lisboa (AEFFUL),  tendo sido anteriormente responsável por dois Departamentos. Foi, ainda, Membro do Senado da  Universidade de Lisboa, entre 2011 e 2013, e Conselheiro Geral da Associação Académica da Universidade  de Lisboa. 

Concluiu em 2015 uma Pós-graduação em Gestão e em 2019 um Programa de Especialização em  Negociação pela Católica Lisbon School of Business and Economics

É farmacêutico, tendo exercido a sua profissão enquanto Secretário Técnico da Secção Regional do Sul  e Regiões Autónomas da Ordem dos Farmacêuticos (OF), entre Janeiro de 2014 e Julho de 2017, e como  Secretário-Geral da ADIFA – Associação de Distribuidores Farmacêuticos, entre Abril de 2017 e março  de 2020. 

Em 2018, passou a integrar o Legal Affairs Committee, e, em 2019, o Public Affairs and Policy Committee,  da European Healthcare Distribution Association (GIRP) e o Grupo Profissional de Distribuição  Farmacêutica da Ordem dos Farmacêuticos (até 2019). 

Desde 2019, é membro da Direção da Secção Regional do Sul e Regiões Autónomas da Ordem dos  Farmacêuticos e Secretário da Direção da Associação de Antigos Alunos da Faculdade de Farmácia da  Universidade de Lisboa. 

É Presidente da ADIFA – Associação de Distribuição Farmacêutico, desde março de 2020. 

Participou no desenvolvimento de projetos galardoados nacional e internacionalmente, como é o caso  do Projeto Geração Saudável (Prémio Almofariz para Projeto do Ano em 2014), da Campanha de  consciencialização “Uso do medicamento – Somos Todos Responsáveis” (Prémio Almofariz para Projeto  do Ano em 2015 e FIP 2016 Health Promotion Campaign Award), tendo sido co-autor do póster científico  Bringing Health Promotion and Education to Schools – impact and evaluation of the Healthy Generation  Project, com comunicação oral no 76th FIP World Congress of Pharmacy and Pharmaceutical Sciences  2016, e do artigo A media campaign in Portugal to highlight responsible medicines use publicado no  The Pharmaceutical Journal.

Dra. Maria Lucília Martins

Licenciada em Ciências Farmacêuticas pela Faculdade de Farmácia da Universidade de Lisboa (1981-1987).

Especialista em Indústria Farmacêutica pela Ordem dos Farmacêuticos (1993).

Pós-Graduada em Gestão da Farmácia pela Universidade Lusófona (2006).

Diretora de Controlo Qualidade nos Laboratórios Roussel (1988 – 1996).

Diretora do Departamento de Logística na Sanofi-Aventis (1996-2004).

Diretora Técnica da Plataforma da Udifar em Setúbal (2004-2012).

Atualmente, trabalha como Consultora Farmacêutica na área da Garantia de Qualidade/Formação e é Diretora Técnica da Disfaline, Lda.