Telessaúde - Saúde ao Serviço da População

Enquadramento relativamente ao conceito de Telessaúde, explicando os principais desafios e oportunidades e como se objeciona e perspetiva a sua evolução nos próximos anos.

Moderadora: Dra. Susana Castro Marques

Iniciou o seu percurso académico com o Mestrado Integrado em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Nova de Lisboa, tendo posteriormente obtido o título de especialista em Medicina Familiar.

Em 2007, concluiu a Pós-Graduação em Bioética pela Faculdade de Medicina da Universidade Lisboa.

No ano de 2013, concluiu o Mestrado em Business Administration pelo Instituto Superior de Ciências do Trabalho e da Empresa (ISCTE). 

Atualmente é membro da Direção da Associação Portuguesa de Medicina Farmacêutica (AMPIF) e Diretora Médica da Pfizer Portugal

Dr. Daniel Ferreira

Em 1984, licenciou-se em Medicina na Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, onde, em 1996, realizou as Provas de Aptidão Pedagógica e Capacidade Científica.

Em 1992 e 1999, respetivamente, efetuou o Grau de Especialista em Cardiologia e Grau de Consultor de Cardiologia, tendo, no ano 2000, recebido o Diploma de Cardiologista Europeu. 

Desde dezembro de 2006, desempenha o cargo de Cardiologista do Hospital da Luz Lisboa, sendo Coordenador da Cardiologia Clínica no Departamento de Cardiologia do

Hospital da Luz.

Como cargos desempenhados, apresenta-se como Vogal da Comissão de Ensino e Formação da Luz Saúde, Vogal da Comissão de Investigação do Hospital da Luz Lisboa, Assistente Hospitalar Graduado de Cardiologia no Hospital Fernando Fonseca (1999 – 2005), Assistente Hospitalar de Cardiologia no Hospital de Santa Maria (1992 – 1995) e no Hospital Fernando Fonseca (1995 – 1999), Membro da Plenária da CEIC (Comissão de Ética para a Investigação Clínica) do INFARMED-IP (desde 2014), Assistente Estagiário (1991 – 1996) e Assistente (1996 – 1997) da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa.

Em 2001, tornou-se Fellow of the European Society of Cardiology e, em 2017, Fellow of the American College of Cardiology

Desde 1999, é Membro do Corpo Redatorial e Editor Associado da Revista Portuguesa de Cardiologia (2015 – 2019), Revisor de artigos científicos publicados na Revista Portuguesa de Cardiologia, Journal of the American College of Cardiology e da Revista Brasileira de Terapia Intensiva.

Participou em 370 reuniões científicas nacionais e internacionais, tendo efetuado 281 moderações/palestras a convite. É autor ou co-autor de 85 trabalhos publicados (44 dos quais indexados na Medline®), de 143 resumos de comunicações livres (41 das quais

apresentadas no estrangeiro) e de 9 trabalhos merecedores de prémios ou bolsas, nacionais e internacionais.

É Vogal da Direção do Conselho Português de Ressuscitação (1999 – 2006), Secretário-Geral (2005 – 2007) e Vice-Presidente (2017 – 2019) da Sociedade Portuguesa de Cardiologia.

É também Membro do Executive Committee do European Resuscitation Council

(desde 2002), Coordenador do Grupo de Estudo de Saúde Digital da Sociedade Portuguesa de Cardiologia (desde 2019), Membro da Comissão Organizadora de 16 Encontros e Congressos.

Por fim, é perito na avaliação de trabalhos submetidos ao Congresso Português de

Cardiologia (desde 2000) e ao Congresso Europeu de Cardiologia (desde 2006), e investigador principal ou co-investigador de 23 ensaios clínicos multicêntricos internacionais.

Eng.º Jaime Melancia​

Engenheiro eletrotécnico de telecomunicações e eletrónica, com mais de 30 anos de experiência no setor das tecnologias de informação. 

Desempenhou funções comerciais e de marketing, e também como consultor na área técnica.

Atualmente, trabalha como Marketing Manager numa empresa portuguesa, com soluções profissionais na área da videoconferência.

Foi diagnosticado com psoríase aos 40 anos e descobriu, alguns anos depois, que, felizmente, não tinha a doença. Enquanto isso, abraçou as causas dos pacientes com psoríase e ingressou como voluntário na PSOPortugal, Associação Portuguesa da Psoríase, no primeiro ano da sua fundação, em 2005. Desde 2016, é Presidente da organização e advoga, incansavelmente, pelos direitos das pessoas com doença psoriática, com o objetivo de melhorar a sua qualidade de vida.

Em representação da PSOPortugal, é membro dos órgãos sociais da FENDOC – Federação Nacional de Associações de Doenças Crónicas e da Plataforma Saúde em Diálogo. Integra o Conselho Superior da Convenção Nacional da Saúde e o movimento Mais Participação, melhor saúde.

Internacionalmente, é membro da direção da Europso, organização que agrega as associações europeias de doentes psoriáticos, e do comité para o Dia Mundial da Psoríase da IFPA, International Federation of Psoriasis Associations. Faz ainda parte do Psoriatic Disease Council da Novartis e do Psoriatic Disease Patient Expert Advisory Board da Janssen Immunology.

Dr. José Pais

Mestre em Ciências Farmacêuticas pela Faculdade de Farmácia da Universidade de Lisboa, em 2018, é atualmente farmacêutico na Farmácia Central do Cacém, sob a Direção Técnica do Dr. Luís Miguel Lourenço.

A nível profissional, trabalhou na Farmácia Dumas Brousse Mem-Martins, desde 2018 até março de 2020, enquanto farmacêutico-adjunto.

Associativamente, assume, desde o início de 2020, a posição de Secretário-Geral da Direção da Associação Portuguesa de Jovens Farmacêuticos (APJF), tendo participado em várias estruturas associativas, destacando-se a posição de Administrador da Federação Académica de Lisboa, em 2018.

No seu percurso associativo, desempenhou ainda o cargo de Departamento de Publicações e Imagem (2016) e Vice-Presidente (2017) na Associação dos Estudantes da Faculdade de Farmácia da Universidade de Lisboa.